Posts com Tag ‘Embedded Systems’

Caro(a) Colega,

semana que vem inicia-se o curso sobre como projetar APIs e HALs para sistemas embarcados de tempo real, oferecido pelo CECContinuing Education Center numa parceria entre o IEEE, o site de conteúdo Design News e patrocinado pela Digikey. Confira a resenha:

Each year developing embedded software becomes slightly more complex and costly as more features and connectivity are added to systems. Developers are faced with finding ways to develop systems that increase functionality and at a minimum maintain the budget status quo.

In this course, attendees will be walked through techniques for designing reusable embedded software through API’s and HAL’s. Characteristics for reusable software will be explored along with their advantages and pitfalls. Real world examples will be provided to give attendees an understanding for the spectrum that is available to them.

Aproveite! Clique na figura a seguir para fazer a sua inscrição ou obter mais informações.

Abraço,

.

Henrique

consulte sempre um engenheiro eletrônico

.

Embedded System Design Techniques™ – Designing API’s and HAL’s for Real-time Embedded Systems

Caro(a) Colega,

O que é um sistema embarcado, qual a sua importância?” é uma publicação original do site EMBARCADOS de autoria da Equipe Embarcados. Leia aqui e confira no site a publicação original desse artigo e muitas outras publicações técnicas sobre esse assunto.

Boa leitura! Abraço,

Henrique

=============================

O QUE É UM SISTEMA EMBARCADO, QUAL A SUA IMPORTÂNCIA?

Embarcados

Sistemas embarcados revolucionam o mundo continuamente melhorando a vida das pessoas. Basta olhar ao redor e perceber que eles estão em quase todos os lugares e que suas aplicações impulsionaram o desenvolvimento tecnológico de todas as áreas de conhecimento humano.

Eles salvam vidas em marcapassos, garantem a segurança dos transportes em computadores aviônicos e freios ABS, também aproximam as pessoas através de satélites e equipamentos de telecom, agregam conforto ao dia a dia com impressoras, TVs e players de mídia, e, ainda deixam a nossa vida mais divertida com os consoles de games. Os sistemas embarcados também são aplicados em sistemas de rede elétrica, em sistemas bélicos, em reatores nucleares, enfim, eles estão presentes em quase todos os eletrônicos.

Nós, do Embarcados, concordamos que um sistema embarcado seja um computador construído para o único propósito da sua aplicação, ao invés de prover um sistema computacional generalizado. Essa definição independe da sua construção, pode abranger desde lógicas combinacionais e processadores de 8-bits, até processadores de 64-bits multi-cores e ASICs.

Historicamente, no Brasil, o termo sistema embarcado passou a ser adotado a partir de 2007, quando no Wikipédia uma página foi criada definindo-o. Antes, esse tipo de sistema era chamado de eletrônicos de forma geral, termo no qual não consegue representar satisfatoriamente a complexidade de desenvolvimento e os poderes computacionais que diferenciavam os sistemas embarcados dos eletrônicos sem habilidade computacional, e, portanto fora substituído pela tradução direta do inglês embedded system movido pelo interesse dos próprios engenheiros da área.

O primeiro sistema embarcado que se tem conhecimento é o AGC (Apollo Guidance Computer). Era um computador que operava a 1,024 MHz e era responsável pelo total controle das espaçonaves Apollo, que levaram diversas vezes o homem a Lua nos anos 60 e 70. O AGC, no entanto, não possuía processador, era todo feito com portas NOR.

Sistemas embarcados estão cada vez mais baratos e acessíveis, demandam menor consumo de energia e, além de mais compactos, possuem maior poder de processamento. Com esse crescente poder de processamento, que é cada vez maior com o passar do tempo, o mundo em que vivemos será cada vez mais micro conectado, onde não só os computadores acessam a internet, mas também os objetos ao nosso redor e, até que em um futuro não tão longilíneo, viveremos em um mundo onde a linha que divide o real do virtual será tênue, se não imperceptível. Esse avanço, assim como os que já se passaram, também será graças aos sistemas embarcados.

por .